Read in English | Lea en Español

Com um investimento de 300 mil libras para desenvolver o futsal em escolas, colégios e ligas de futebol juvenis, a Federação de Futebol da Inglaterra consolidou um plano para impulsionar o crescimento do futsal no país nos próximos anos.

Um dos líderes da revolução do futsal na Inglaterra é o Olé Futsal.

Com sede em Essex, o clube disputou diversos torneios na Europa com resultados expressivos. Este ano, eles jogaram o Futsal Week Zadar Cup na Croácia e o Manchester Futsal International Tournament, onde a equipe juvenil acabou campeã.

No ano passado, ganharam a categoria Alevin superando o FC Barceona na final da World Futsal Cup V. O jogo terminou 2-2, e a equipe inglesa ganhou por 4-3 nos pênaltis. Além disso, os jogadores Riley Owen e Sydie Peck dividiram e levaram para casa o prêmio de Most Valuable Player (MVP) da competição.

Na categoria Benjamin, a equipe chegou a final mas perdeu para o Santos, do Brasil, por 6-2.

Neste dezembro, a equipe irá competir nas mesmas categorias na World Futsal Cup VI.

“O que o Olé conseguiu na última World Futsal Cup é incrível. O clube tem poucos anos, mas seu nível de jogo é igual ao de clubes de renome como Santos e FC Barceona. Agora eles vêm com grande expectativa, e estou seguro que eles continuarão em uma trajetória ascendente”, declarou Doug Reed, diretor do torneio World Futsal Cup VI.

Com um estilo de jogo elevado e a determinação de seguir adiante, o Olé Futsal está liderando a revolução do futsal a partir de Essex. Neste dezembro eles serão desafiados mais uma vez na World Futsal Cup VI, e com certeza essa jovem equipe é uma das que precisam ser observadas.